Juiz de Fora, 22 de Abril de 2018
topo
 
 

Edição atual | n° 15733 - 21/04/2018

Nesta edição «

Cadastre-se

Receba informações exclusivas da Pauta, preencha os dados abaixo:



publicidade

Observatório

Sem artigos
 

Pauta I

La Victoria


Essa noticia foi publicada da revista edição n°176

Redação
 

    
Da mãe, Márcia de Figueirêdo Mendes herdou um importante legado: a paixão pela moda íntima. “Ela dizia: a lingerie é o que temos de mais próximo ao nosso corpo, é o que, antes de qualquer coisa, contata nossos fluidos e está à mostra quando nos vemos no espelho pela primeira vez no dia”, relembra. A importância dada às peças fazia com que a cada mudança de estação, uma nova coleção ganhasse espaço no guarda-roupa. Foi assim que Márcia desenvolveu o primor de escolher as melhores marcas.

Em Belo Horizonte, cidade de origem, ela fez carreira como publicitária. A vinda para Juiz de Fora, há pouco mais de três anos, representou um momento marcante na repaginação da vida profissional e o indício da realização pessoal. Assim, o propósito que permeou seu passado se materializou em uma irresistível oportunidade de negócio: inaugurar a La Victoria Moda Íntima que, para além do conceito de multimarcas, representa toda a essência e experiências da empresária à frente do negócio.

“Ao chegar na cidade, senti falta de marcas consagradas encontradas nos grandes centros e enxerguei uma oportunidade interessante para trabalhar com o que amo. Portanto, para o mix de produtos, eu apresento o que uso e uso sempre o melhor!”, ressalta.

Ambiente conquista pela funcionalidade e acolhimento

A força da marca é retratada no próprio nome, que remonta a Era Vitoriana, auge da industrialização e da política colonial, período em que o Império Britânico se transformou na mais importante empresa planetária. Um argumento sólido que justifica a concepção de toda a loja, igualmente pensada para surpreender em cada detalhe.

No ambiente convidativo, as clientes transitam com facilidade e encontram o que precisam. Já nas colmeias, as peças são expostas como obras-primas. E verdadeiramente são. Neste cenário, experimentar uma lingerie ou um pijama, por exemplo, torna-se uma prazerosa etapa, já que os amplos provadores conferem todo conforto e praticidade.

O atendimento intimista e cortês é dispensado pela competente Bárbara Vieira e pela consultora comercial, Vitória Polato que, ao lado da própria Márcia, garantem momentos que transcendem ao simples ato da venda. “Nossa missão é clara: receber bem e estabelecer vínculos de confiança e amizades”, afirmam unânimes. Essa é uma constatação real de quem entra na La Victoria. Ao sair, energias renovadas, autoestima fortalecida e a certeza de levar para casa as melhores opções em moda íntima. Vale ainda destacar as embalagens personalizadas, que fazem de cada produto um insigne presente.

A localização também desponta como diferencial, uma vez que a loja está instalada na Galeria Pátio Central, no coração da Braz Bernardino, um corredor de compras de fácil acesso e muitas possibilidades.

Conheça o mix de marcas que consagram a La Victoria

Liz e Darling: as linhas básicas, dia a dia, de compressão representam o bem-estar e o conforto tão almejados por quem está sempre em movimento. São soluções mágicas que realçam ou escondem partes do corpo, dependendo de cada situação. A coleção permanente da Darling traz ainda infinitas possibilidades de combinações de estilos, cores e modelos, com peças para os mais distintos momentos.

Calvin Klein: a queridinha do mundo da moda convencional também ganha o gosto das mulheres por meio de uma linha esportiva única, que transita entre a sensualidade e a funcionalidade do dia a dia.

Fruit de La Passion: Na La Victoria, é possível se encantar com as coleções atuais, que esbanjam sensualidade, durabilidade, acabamento impecável, refinamento e ousadia.

Tre Voglie: Sofisticada e sensual, sem perder o tom clássico. Em português “Três Desejos”, a Tre Voglie simboliza o rascunho de um sonho de resgatar a feminilidade através do charme e o fascínio de um design gracioso.

La Rouge Belle: A marca, que já se consolidou em Juiz de Fora, foi criada por Lala Rudge em meados de 2012. Feminina, atemporal, chique, confortável e sensual definem os conceitos, tendo a qualidade como objetivo-chave.

Mixte e Lua Luá: Representam a linha Homewear, uma combinação perfeita entre moda e funcionalidade para deixar as mulheres sempre lindas em casa, convertendo o tradicional pijama em uma roupa desejada.

Cor com amor e Any Any: São as linhas cute na La Victoria. As marcas entendem que dormir é um dos momentos mais gostosos da vida, por isso, investem nas opções sleepwear para levar aconchego à hora do sono.

Miss Victtoria e Reved’enfant: Sofisticação em rendas francesas e tecidos finos: como não amar? As marcas possuem linhas variadas para atender aos diferentes momentos do dia a dia da mulher contemporânea.

Jogê: lingeries modernas e fora do comum. O caimento perfeito valoriza o corpo feminino. Já o acabamento impecável, garante conforto total.


Encante-se com mais soluções

- Cremes sensuais, perfumes de lingerie, vibradores líquidos, velas são opções para esquentar a intimidade.
- Atendimento externo oportunizam liberdade e flexibilidade para as clientes com tempo escasso.
- Pijamas e camisolas exclusivas para compor a Linha Tal Mãe, Tal Filha.
- Completo enxoval para noivas e gestantes.

“Amo as marcas vendidas na loja! A Márcia é super antenada e traz várias tendências para Juiz de Fora. Vou à La Victoria quase semanalmente para conferir o que há de novo.” Ana Paula Bartocci – Engenheira civil

“É muito bom ser amiga e cliente da Márcia. Ela é uma pessoa que todos gostariam de ter por perto, extremamente otimista, alegre e cheia de vida. Isso é traduzido na loja, um ambiente charmoso, com peças úteis, elegantes que fazem muita diferença no meu dia a dia.” Dra. Cristina Mansur – Médica Dermatologista

 
 

©2008. Pauta Econômica. Todos os direitos reservados.


A Pauta Econômica é uma publicação independendte, de responsabilidade da Mais Comunicação Ltda.
Periodicidade mensal e distribuição dirigida.

ato.interativoMais Comunicação powerline