HomeRevistaAttalla Vigilância e Segurança

Attalla Vigilância e Segurança

Empresa de Juiz de Fora desponta em Minas e é uma das autorizada pela PF a oferecer escolta armada e segurança pessoal na região

O medo da violência tem levado cada vez mais pessoas a contratarem serviços de segurança privada. No Brasil, o setor é um dos que mais apresentam potencial de desenvolvimento. Mas, para se manter no mercado, é necessário bem mais do que uma simples farda ou colete. É preciso exímio domínio de técnica, tática e tecnologia de ponta.

Neste cenário, a Attalla Vigilância e Segurança despontou como uma das maiores no segmento. A empresa de Juiz de Fora ultrapassou os limites regionais, instalou uma filial em Belo Horizonte e se consolidou no estado. A meta para os próximos dois anos é atuar também em São Paulo e no Rio de Janeiro.

A aceitação na capital mineira foi imediata e a grande concorrência, encontrada lá, não foi barreira para os sonhos de seu diretor e fundador, José Alves de Mello Filho. “Atuamos de acordo com todas as exigências da legislação, crescemos alicerçados na transparência e não abrimos mão disso. Essa expansão é reflexo do trabalho que prestamos em escolta armada, vigilância e segurança pessoal, patrimonial e residencial. Ela faz parte do projeto que temos para a Attalla”, conta Mello.

Soluções que fazem a diferença

O rápido crescimento também tem outra justificativa: é uma das empresas da região, autorizadas pela Polícia Federal, a trabalhar com escolta armada. A ação pode significar, por exemplo, uma carga de alto valor chegar ou não ao destino e, mais do que isso, garantir que a vida do caminhoneiro que a transporta seja preservada.

E tem mais: a Attalla agora pertence a um seleto grupo de empresas do país, com permissão para utilizar a arma de choque Spark, não letal, para escolta armada, vigilância patrimonial e segurança pessoal. A novidade agradou em cheio, especialmente o setor hospitalar, mas abre um leque bem maior, como o de bancos e eventos. Isso porque, a prioridade é garantir a segurança, de forma preventiva.

“Também chamada de taser, essa arma é totalmente eficiente. Ela dispara um dardo que imobiliza o meliante e consegue conter uma situação de ameaça. O processo de aquisição é extremamente burocrático, mas estamos sempre em busca de resultados satisfatórios para nossos clientes, então não medimos esforços para isso. Investir em inovação é garantir a excelência na prestação dos nossos serviços”, enfatiza Mello.

A qualificação do quadro de funcionários é outro quesito que ele faz questão de ressaltar. “Todos os vigilantes, por exemplo, passam por treinamentos intensos, possuem porte de arma em serviço e são credenciados para atuarem na função. Para o futuro, a intenção é ter um instrutor dentro da empresa e poder formar e capacitar nossos colaboradores.”

Os vigilantes passam por avaliação psicotécnica de seis em seis meses, pois trabalham armados e passam por situações estressantes. Por isso, a Attalla adota esse atendimento com maior frequência.

Sobre o exercício da função, Mello faz um alerta. “A profissão de vigilante é regulamentada por lei, mas o que muitos não sabem é que, se ele não estiver devidamente registrado em uma empresa de segurança, consequentemente, não está apto a exercê-la”. Para se certificar de que está contratando uma empresa ou profissional autorizado pela Polícia Federal, ele aconselha a procurar informações no site da entidade.

Profissionalismo alicerça o crescimento

Mas, nem só de armas, veículos equipados e treinamento profissional vive uma empresa de segurança. Por trás de tudo isso existem vários profissionais que dão andamento a todo o processo administrativo, operacional e burocrático, fazem realmente as coisas acontecerem. Pensando bem, eles estão à frente de todo o funcionamento da Attalla. Entre eles, a advogada Sarah Dornas de Paiva.

A parte trabalhista, calcanhar de Aquiles para muitos, na Attalla merece destaque. “Adotamos o Compliance Trabalhista. Por ser uma área que demanda aspectos bem específicos, o cuidado é redobrado. Temos que nos certificar e garantir de que tudo esteja sempre em perfeita conformidade com a legislação. Assim como na segurança, no departamento jurídico também priorizamos a prevenção”, afirma Sarah.

Opinião de clientes dá respaldo ao trabalho

“A Attalla é uma grande parceira da Imperial. Juntos construímos uma relação de confiança e conseguimos ver seu crescimento, fruto de muito trabalho, visão e responsabilidade. Uma empresa séria e acessível. O proprietário, Mello, tem uma visão incrível de desenvolvimento humano e empresarial. Eles têm um grande sonho rumo ao seu propósito: dar mais segurança às pessoas, às empresas, um serviço personalizado e de qualidade para seus clientes. O sucesso é certo para quem pensa grande!”

Flávia Hachul – Gerente de pós-vendas da Imperial Toyota

“Desde o nosso início das atividades como condomínio, estamos com a Attalla. Ela atua durante 24 horas com vigilância armada. O condomínio tem cerca de 40 hectares de área, então a presença deles é imprescindível. São muito organizados, pontuais, disponíveis, estão sempre atentos. Os profissionais são muito bem treinados. As atitudes que tomam diante das intercorrências que acontecem são as melhores possíveis. A equipe de supervisores acompanha de perto todo o trabalho. Nossa intenção é aumentar, à medida que o condomínio tenha novas indústrias. De todas as empresas que cotamos, foi a que mais nos impressionou, por ser da cidade e pelo nível que já atingiu. Estamos muito satisfeitos com o trabalho que vem sendo realizado.”

Letícia Souza – Administradora do Condomínio Industrial Park Norte

“A empresa Attalla vem demonstrando ser um grande parceiro da Santa Casa, uma empresa que demonstra cuidado com os processos, mantendo o foco em empreendedorismo e visão de futuro”.

Lázaro Jander de Oliveira – Coordenador de Segurança Coorporativa da Santa Casa/JF

“Em dois meses, tive dois roubos de caminhões no Rio. Só de prejuízo com a carga foram R$ 260 mil. Então, contratei a escolta armada da Attalla. Nunca mais tive problema. Eles trabalham com seriedade, competência e muita transparência. Agora durmo tranquilo.

Túlio Silva – Empresário Manteiga Sô Minas

Comente este Post!
Scroll Up