HomeRevistaBelaVista Oftalmologia – Abertura da clínica assinala modernização de atendimentos

BelaVista Oftalmologia – Abertura da clínica assinala modernização de atendimentos

O que os pacientes realmente desejam quando procuram por um oftalmologista? A resposta para essa pergunta está alicerçada na abertura de uma nova clínica em Juiz de Fora. Com 26 anos de atuação no segmento, Dra. Luciane Gomes El Hadj retorna à cidade para brindar toda Zona da Mata mineira com inovações e soluções que, há muito tempo, são almejadas pela população.

Ao abrir a BelaVista Oftalmologia, ela decidiu somar alta tecnologia à sua vasta experiência profissional, tendo como meta oferecer diagnósticos rápidos e precisos. Mas, com um grande diferencial: projetou toda infraestrutura necessária para realizar consultas e exames complementares no mesmo local.

 

 

O investimento em equipamentos de ponta foi vultoso. Tanto que está disponibilizando um Galilei G6 para seus pacientes – a segunda unidade existente hoje na cidade. Com ele, são feitos quatro tipos de exame (tomografia e topografia da córnea, paquimetria e biometria). A oftalmologista conta ainda com um OCT 3D, um Retinógrafo e um Campímetro. Juntos, esses instrumentos são os responsáveis pela apresentação de diagnósticos e resultados seguros.

A tecnologia empregada na clínica contribui para a modernização da Oftalmologia de Juiz de Fora e região. Detalhe: de forma democrática porque a BelaVista está de portas abertas às parcerias com profissionais da área para que eles possam ter acesso às inovações. “Nós já estamos concretizando associações com outros especialistas, uma vez que oferecemos o que a grande maioria dos consultórios não disponibiliza”, orgulha-se.

 

 

Outra novidade trazida por Luciane Gomes é o atendimento em Oftalmogeriatria. Ela, que concluiu a especialização ano passado, na primeira turma do Brasil, formada pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), está colocando seus conhecimentos a serviço de todos. “É uma especialidade nova, que me deixou encantada porque não é exclusivamente oftalmológica, é um trabalho multidisciplinar que envolve geriatra, clínico-geral, psicólogo, nutricionista e educador físico, afinal, o olho envelhece junto com o corpo”, conta empolgada. “É uma medicina diferente, mais humanizada”, completa.

O amplo espaço físico da clínica, projetado para atender com excelência, é parte do conceito que prioriza o conforto dos clientes. Localizada bem no centro da cidade, na rua Oscar Vidal, o fácil acesso é outro diferencial. Os grandes painéis de vidro que recepcionam quem chega deixam à mostra parte da região central e o Morro do Cristo. Não há como negar que uma bela vista começa ali.

Equipamentos de ponta garantem resultados seguros

  • Galilei G6 – Faz quatro tipos de exame: tomografia e topografia da córnea, paquimetria (que avalia a espessura da córnea) e biometria (exame para cálculo de lente intraocular, para cirurgias de catarata)
  • Retinógrafo – Faz a documentação fotográfica da retina
  • OCT 3D – Tomógrafo de Coerência Óptica, para estudo da retina
  • Campímetro – Para teste de visão periférica

 

 

Comente este Post!
Scroll Up