HomeRevistaSuprema expande e chega a Três Rios

Suprema expande e chega a Três Rios

Novo campus está situado em uma área com 30.000 m2

A Suprema – Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde – agora também está presente em Três Rios, no sul do estado do Rio de Janeiro. A abertura do novo campus é mais um grandioso passo da instituição, que colabora incansavelmente com o desenvolvimento da região.

Resultado de um investimento vultoso e construída em uma área de 30.000 m2 no Bairro Cantagalo, a unidade conta com uma infraestrutura moderna, funcional e que proporciona o ambiente ideal ao ensino, pesquisa e promoção da saúde.

Ao todo são 12 salas de aula, 11 laboratórios com equipamentos de última geração, dentre eles, laboratórios de ensino, informática, habilidades e simulação realística, bibliotecas, anfiteatro, além de salas administrativas e cantina, todos climatizados. O espaço foi construído com total acessibilidade, a fim de permitir o livre trânsito de todas as pessoas.

O Diretor de Ensino, Pesquisa e Extensão da Suprema, Djalma Rabelo Ricardo, destaca as metas da grandiosa estrutura física e pedagógica montada em Três Rios. “A educação não admite brincadeira. Se quisermos que um aluno desenvolva todas as suas competências, nós precisamos oferecer um ambiente para que ele possa fazer isso. E nós, da Suprema, investimos nisso. Acreditamos que o que faz a grande diferença são as pessoas. Buscamos o novo e o melhor sempre!”, enfatiza.

A Faculdade de Ciências Médicas de Três Rios é fruto de um edital do Ministério da Educação (MEC), que abriu licitação para 39 cidades do Brasil, previamente selecionadas, que pudessem ofertar um curso de Medicina. Ao concorrer no edital, juntamente com diversas instituições do país, a Suprema foi selecionada, com nota máxima em sua proposta.

A primeira turma de Medicina da Suprema em Três Rios iniciou sua jornada em agosto deste ano. “As perspectivas para o futuro são as melhores possíveis, com a possibilidade de expansão no número de vagas, indo de 50 ao ano, para 100, além da possibilidade de criação de novos cursos”, orgulha-se Djalma Rabelo Ricardo.

Projeto pedagógico consagrado

A experiência e o profissionalismo são requisitos indispensáveis para quem assume a responsabilidade ensinar. O corpo docente reflete esse aspecto, sendo formado 100% por mestres e doutores, todos eles da própria cidade ou do entorno, o que também é uma determinação do MEC.

A metodologia é totalmente centrada no estudante, alinhada às novas diretrizes curriculares nacionais estabelecidas em 2014, o que proporciona mais oportunidades de prática aos graduandos, como explica Djalma Ricardo. “Nós entendemos que, no processo de aprendizado, vamos da prática para teoria. Por isso, temos prática desde primeiro período, mas respeitando a sua autonomia e complexidade. Os alunos se veem dentro da profissão desde o começo”.

O estudante de Medicina na Suprema tem, por exemplo, a oportunidade de vivenciar a realidade da saúde ao atuar em unidades de atenção básica, já a partir do segundo período. De acordo com o diretor de ensino, “o aluno fica um dia inteiro fora da faculdade, realiza uma problematização daquele ambiente com ajuda do professor e depois volta a essa realidade para tentar transforma-la. Isso ocorre em todos os períodos ao longo do curso” pontua.

Novo campus impulsiona convênios e parcerias

A presença da faculdade é o marco de uma nova e promissora fase para Três Rios. Para que o empreendimento fosse concretizado, fez-se indispensável a atuação incansável dos prefeitos Vinicius Farah e Josimar Salles durante os processos de implantação, operacionalização e iniciação.

Essa parceria ganhou força e transformou-se em convênio, através do qual a prefeitura municipal passa a receber ajuda da instituição nos três níveis de atenção à saúde.

Outra ação que honra e, definitivamente, comprova o compromisso da Suprema com Três Rios é a oferta de cinco bolsas integrais no curso de Medicina, para estudantes egressos do ensino médio da rede pública. A cada nova turma, são ofertadas cinco bolsas.

Foi o caso do, agora graduando, Danilo Leopoldino, que alcançou a pontuação necessária no processo seletivo e foi contemplado com a bolsa de estudos integral. “Quando recebi a notícia fiquei em estado de choque! Eu não teria condições financeiras de pagar, graças à bolsa, tive essa oportunidade única. Estou vivendo o meu sonho de infância, um sonho que Deus escreveu para mim. Quero poder retribui essa oportunidade dada pela faculdade, sempre fazendo o meu melhor em prol das pessoas”, conta ele.

Educação responsável é o principal diferencial da Suprema

Todo o trabalho desenvolvido pela Suprema e os resultados obtidos na formação criteriosa de seus alunos acarretam em reconhecimentos que certificam o bom desempenho.

São conquistas que reforçam ainda mais a busca pela qualidade máxima, explicitada pelo Diretor Geral da Suprema, Dr. Jorge Montessi. “Quem se propõe a formar profissionais na área da saúde tem que ter responsabilidade com educação. E isso temos orgulho em fazer. Hoje, somos considerados a terceira melhor faculdade de Medicina de Minas Gerais e a 16ª melhor do Brasil. Mas, não vamos parar por aí, vamos usar toda a experiência para avançar cada vez mais! A Suprema Três Rios já é resultado disso. Ela foi um sonho que se tornou realidade.”

Campus Juiz de Fora orienta trajetória de sucesso

O projeto pedagógico da Suprema Três Rios já nasceu consagrado. O que não aconteceu por acaso. Muito pelo contrário, avalizado pelo MEC com nota máxima em todos os quesitos, ele é fruto da experiência exitosa da instituição em Juiz de Fora. Afinal, são 15 anos de trabalho árduo dedicado à formação de profissionais da saúde, capacitados de forma ética e humanista.

O que se verifica hoje é que a trajetória percorrida tanto consolidou Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora – FCMS/JF – quanto a tornou  referência acadêmica para todo o país. Excelência que é facilmente percebida atualmente através dos investimentos contínuos em infraestrutura, equipamentos de ponta e capacitação de seu corpo docente. E mais: na oferta de todos os recursos para a melhor formação dos alunos, como a manutenção de um moderno hospital de ensino, que é o Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus.

Certamente por isso, m 2017, a comissão de avaliação do MEC ao realizar uma visita à faculdade, analisaram e avaliaram in loco toda a infraestrutura, o projeto pedagógico e o corpo docente. A resposta não poderia ter sido melhor. A comissão ficou impressionada com a eficácia dos métodos ofertados.

VESTIBULAR EM JF E TRÊS RIOS

As inscrições para os vestibulares das Faculdades Suprema em Três Rios e Juiz de Fora já estão abertas.

Suprema Três Rios

Prova: 16/12

Inscrições: até 11/12

Através do site: www.suprematresrios.com.br

Suprema Juiz de Fora

Prova: 25/11

Inscrições: Até 16/11

Através do site: www.suprema.edu.br

 

Mais informações em relação ao currículo, estrutura, métodos de avaliação e valores de investimento também podem ser obtidas por meio dos sites.

Comente este Post!
Scroll Up