HomeRevistaExperiências espirituais: pesquisas e implicações clínicas

Experiências espirituais: pesquisas e implicações clínicas

Experiências espirituais: pesquisas e implicações clínicas

Realmente, meditar faz bem? O que é fato e o que é mito sobre o emprego de práticas religiosas ou espirituais no tratamento? As pesquisas científicas elucidam muitas dúvidas e a prática clínica de diversos profissionais contribui para corroborar dados. Dois universos complementares que, em março no próximo ano, têm encontro marcado no 3° CONUPES, o Congresso Internacional de Saúde e Espiritualidade promovido pelo Núcleo de Pesquisas em Saúde e Espiritualidade da Universidade Federal de Juiz de Fora (NUPES/UFJF).

A expectativa é de que mais de 800 profissionais, pesquisadores e estudantes das áreas de saúde e humanas, se reúnam em Juiz de Fora (MG), nos dias 13 e 14 de março de 2020, para a troca de informações acerca dessas e de muitas outras questões. Afinal, a proposta é sobretudo multidisciplinar, envolvendo médicos, enfermeiros, psicólogos, fisioterapeutas, historiadores, filósofos, sociólogos e, enfim, todos que tenham interesse pelo tema. 

Segundo Alexander Moreira-Almeida, diretor do Nupes, “o Conupes está se consolidando como o grande evento acadêmico de espiritualidade e saúde no Brasil. O crescimento do congresso tem sido constante e, na edição deste ano, chegamos a contar com 700 participantes vindos de 128 cidades e 18 estados.” 

Números que só fazem aumentar a responsabilidade para a nova edição. A meta principal do CONUPES 2020 é mesclar aspectos da investigação científica com a prática clínica. E, para isso, os organizadores não estão poupando esforços. Tanto que um eminente professor de Psiquiatria da Universidade da California (EUA) e um professor de Psicologia da Universidade de Coventry (Inglaterra) já estão confirmados. Será um grande intercâmbio de ideias em torno dos muitos assuntos que estarão em pauta, desde conversões religiosas, meditação e curas espirituais até transes, experiências de quase morte e de final de vida. 

Além de conferências e mesas redondas, o CONUPES 2020 irá contar também com minicursos, apresentação de pôsteres, mentorias individuais e concurso artístico-cultural.

Conferencistas internacionais são grande destaque

Os dois conferencistas internacionais já confirmados para participação no CONUPES 2020 são os professores Francis Lu e Miguel Farias. O primeiro deles é Professor Titular Emérito de Psiquiatria da Universidade da California. Ele foi o propositor da categoria “Problemas Espirituais e Religiosos” do DSM-IV (o manual de diagnóstico psiquiátrico da American Psychiatric Association), que também está no DSM-5. Francis Lu é uma referência mundial em aspectos clínicos e de ensino na área de experiências religiosas e espirituais e na área de Psiquiatria e aspectos culturais.

Já Miguel Farias é professor de Psicologia na Coventry University (Reino Unido), atuando no grupo de pesquisas Cérebro, Crença e Comportamento. Investiga especialmente os correlatos biológicos e o impacto de crenças e práticas espirituais. Ele, recentemente, lançou um livro que examina a ciência e os mitos sobre os efeitos da meditação, incluindo seu potencial de cura e danos: “The Buddha pill”.

Eles vêm ao Brasil, especificamente a Juiz de Fora, com a missão de promover a troca de vivências e aprimoramento de conhecimentos acerca do que as experiências espirituais nos dizem sobre a mente e a natureza humana.

Diversidade de abordagem é um grande diferencial

O CONUPES 2020 vai enfatizar as experiências religiosas e espirituais, envolvendo tanto pesquisa, prática clínica, como ensino. Ou seja, a diversidade de abordagem dos assuntos irá permear todo congresso.

“As experiências espirituais e religiosas que ocorrem com grande frequência na população brasileira vão ser estudadas, tanto em termos de pesquisa quanto de aplicação clínica. Com espaço para a abordagem de aspectos práticos”, completa Alexander Moreira-Almeida. 

Temas que a serem abordados

– Pacientes terminais

– Psicoterapias

– Dependências de álcool e outras drogas

– Meditação 

– Curas espirituais

– Transes

– Experiências de quase morte e de final de vida.

Inscrições já estão abertas

Os interessados já podem obter mais informações e efetuar sua inscrição, com valores promocionais do primeiro lote, no conupes.com.br

 

1) O diretor do Nupes, Alexander Moreira-Almeida

2) O Conupes 2019 contou com a participação de 700 congressistas

3) Minicursos são ponto alto do congresso

4) Francis Lu, professor titular emérito de Psiquiatria da Universidade da California

5) Miguel Faria, professor de Psicologia na Coventry University (Reino Unido)

6) A missão do Conupes é promover troca de vivências e aprimoramento de conhecimentos

Comente este Post!
Scroll Up